A gordura e a flacidez na região abdominal são algumas das insatisfações mais comuns nos consultórios. Com o avanço das técnicas pacientes que desejam obter uma barriga sem excesso de pele e gordura têm ao seu favor uma diversidade de procedimentos cirúrgicos, como a hidrolipo, abdominoplastia e lipoaspiração. Mas afinal, qual a diferença entre elas e qual o melhor procedimento para mim?

Ouça este conteúdo:

 

A escolha do procedimento estético mais alinhado com seus objetivos é essencial para aumentar as chances de atingir os resultados que você espera. Claro que a decisão final será feita após a avaliação individualizada com o cirurgião plástico, mas conhecer os objetivos e indicações de cada procedimento poderá te ajudar a tomar a melhor decisão.

Neste artigo, vamos apresentar os principais procedimentos para remover excesso de gordura e pele na região abdominal, seus objetivos e indicações. Acompanhe!

Hidrolipo

A hidrolipo consiste em uma técnica de lipoaspiração que utiliza solução tumescente (anestésica) para retirar a gordura localizada. Esse tipo de anestesia é local e o procedimento é feito sem sedação do paciente. 

Também chamada de mini lipo, o procedimento remove uma quantidade menor de gordura localizada e visa promover uma redução das medidas, além de melhorar a silhueta de maneira mais sutil que a lipoaspiração convencional. 

Indicação: a hidrolipo é indicada para pacientes que apresentam pequena quantidade de gordura localizada, bem como para quem deseja utilizar o resultado obtido como um estímulo para dar início ao processo de modificação corporal por meio de hábitos saudáveis.

Abdominoplastia

A abdominoplastia é um procedimento que remove excesso  de pele e gordura localizada na região do abdome para diminuir a flacidez no local e melhora o contorno corporal. Nessa cirurgia também se realiza a aproximação da musculatura do abdome, deixando-o com um aspecto mais firme.

Indicação: a abdominoplastia é indicada para pacientes que tiveram alguma alteração na anatomia normal do abdome que resultou no afastamento da musculatura e excesso de pele na região. As principais indicações são para mulheres que:

Lipoaspiração

A lipoaspiração é realizada com o objetivo de remover gordura localizada – em diversas regiões do corpo, como braços, culote, flancos, coxas e papadas – mais extensas do que aquelas tratadas na hidrolipo. 

No entanto, a grande maioria dos procedimentos é feita para eliminar gordura na região abdominal. Diferente da abdominoplastia, a lipoaspiração não tem a capacidade de eliminar o excesso de pele.

Indicação: o procedimento é indicado para pacientes jovens e para homens e mulheres maduras que desejam remover a gordura localizada e não apresentam flacidez e/ou afastamento importante da musculatura abdominal.

Lipoabdominoplastia

Pacientes que desejam remover o excesso de pele e a gordura localizada na região abdominal podem associar a lipoaspiração e a abdominoplastia em um único procedimento. Denominada de lipoabdominoplastia, a associação das duas técnicas busca recuperar a firmeza dos músculos abdominais, além de retirar as gordurinhas e pele indesejadas.

A lipoabdominoplastia é muito indicada no mommy makeover, como alternativa para melhorar o abdome da paciente após a  gestação. O benefício de associar as duas cirurgias é que pode-se conseguir um contorno corporal mais definido e passar por somente um período pós-operatório. 

Posso fazer os procedimentos para emagrecer?

Muitos pacientes recorrem à cirurgia plástica com o objetivo de emagrecer, mas nenhum dos procedimentos apresentados deve ser realizado com essa finalidade. Apesar de serem indicados para melhorar o contorno corporal, eles só devem ser realizados em pacientes que estão dentro do peso ideal.

Além de estar dentro do peso ideal, a recomendação dos procedimentos é para pacientes que apresentam flacidez ou gordura localizada que não são eliminadas com a adoção de uma alimentação saudável associada à prática de exercícios físicos.

Portanto, se você deseja realizar hidrolipo, lipoaspiração ou abdominoplastia, mas está acima do peso, recomendamos que você perca peso antes do procedimento e atinja seu IMC ideal. Se já buscou ajuda de um endocrinologista para lidar com a obesidade e não conseguiu, avalie a possibilidade de realizar uma cirurgia bariátrica com um cirurgião geral. 

A importância da avaliação individualizada

Como ressaltamos no início do artigo, somente um cirurgião plástico é capaz de determinar o procedimento mais indicado para seu caso. Após uma avaliação completa, realização de exames e entendimento dos seus objetivos é que o profissional irá recomendar o tipo de procedimento que mais se adequada ao seu corpo, anseios e necessidades.

Agende uma consulta com nossos especialistas no Rio de Janeiro para avaliar qual procedimento é o mais recomendado para você.