A duração do efeito do botox, quando aplicado com finalidade estética, é uma dúvida muito comum. Se por um lado, o fato de não ser permanente traz segurança ao paciente (ao contrário de substâncias baratas e definitivas, como o mal-afamado PMMA), por outro, para manter o resultado é preciso investir no tratamento com a toxina botulínica periodicamente. Mas de quanto em quanto tempo? Existe algo que possa prolongar a duração?

Se você também tem alguma dessas dúvidas, confira o conteúdo a seguir. Boa leitura!

Como a toxina botulínica age no organismo?

Botox é o nome comercial dado por um laboratório fabricante para a toxina botulínica tipo A. Ela é produzida pela bactéria Clostridium botulinum e administrada, por meio de injeções feitas com microagulhas, em quantidades muito pequenas em músculos faciais específicos.

O objetivo é bloquear os impulsos nervosos que fazem com que esses músculos se movam e, consequentemente, acentuem ou formem as indesejadas rugas dinâmicas e linhas de expressão. Em média, o procedimento demora cerca de 15 minutos e não exige repouso. O botox pode ser aplicado em pontos-alvo, como:

  • na testa (na região da glabela, aquele vinco vertical entre as sobrancelhas, e nas linhas horizontais, entre as sobrancelhas e o cabelo);
  • nos cantos externos dos olhos (conhecidos como pés de galinha);
  • nas bandas do platisma (o músculo superficial do pescoço, chamado de pescoço de peru).

Além disso, o botox também pode melhorar o posicionamento das sobrancelhas. Mas atenção: deve-se tomar muito cuidado para não atingir músculos que realizam funções importantes na expressão facial, como os que erguem as sobrancelhas e sustentam as pálpebras.

Por isso, apenas médicos dermatologistas e cirurgiões plásticos devem realizar esse tipo de procedimento. Do contrário, corre-se o risco de se submeter à má execução da técnica, o que pode gerar assimetrias, além das paralisias inadequadas.

Quanto tempo dura o efeito do botox?

O efeito do botox (aliviar a aparência de rugas dinâmicas e linhas de expressão e diminuir a movimentação local) aparece entre uma e duas semanas. Já sua duração varia de três a seis meses.

Porém, da mesma forma que o resultado não é imediato, o botox não “acaba” de uma hora para outra. O efeito vai desaparecendo, gradativamente, enquanto os músculos faciais recuperam sua ação.

Em relação à data estimada para a reaplicação, ela costuma ser prevista pelo dermatologista. Para isso, o médico se baseia no histórico clínico e nas características do paciente.

O estilo de vida e a idade impactam na duração do efeito?

Com certeza. Isso porque, o estilo de vida (ligado a fatores como a rotina de autocuidados, a manutenção de uma dieta saudável e o uso de protetor solar diariamente, assim como os níveis de exposição ao estresse e à poluição, bem como consumo álcool e cigarro) e o próprio envelhecimento está relacionado com o estado de conservação da derme — e, em peles mais conservadas, o efeito do botox se prolonga por até um ano.

É o que ocorre com pacientes que recorrem ao chamado botox preventivo, começando a aplicá-lo aos primeiros sinais de envelhecimento, antes dos 30 anos. Isso evita a acentuação das rugas e ajuda a manter a aparência jovial por mais tempo. Nessas pessoas, os intervalos entre as reaplicações podem ser mais espaçados.

Outra medida que contribui, e muito, para a duração do botox, é estimular a produção de colágeno pelo organismo. Essa proteína, responsável pelo tônus e elasticidade da pele, também diminui com o envelhecimento. Para repor o colágeno, você pode:

  • comer frutas cítricas (ricas em vitamina C), verduras verde-escuras (fontes de ácido fólico), carnes magras (para obter vitaminas do Complexo B), aveia (fonte de silício) e oleaginosas (repletas de ácidos graxos poli-insaturados);
  • investir em tratamentos, como o Sculptra, a luz pulsada, o microagulhamento, entre outros — indicados pelo especialista, conforme a necessidade de cada paciente.

Tomando esses cuidados, é perfeitamente possível prolongar a jovialidade do rosto ao longo dos anos. Por isso, não se preocupe tanto com a duração do efeito do botox. Preocupe-se em oferecer ao seu organismo todas as condições necessárias para ser saudável. Aja assim diante das escolhas alimentares, dos cuidados diários e dos procedimentos estéticos. A beleza será uma consequência!

Gostou do artigo? Esperamos que sim! Caso tenha alguma dúvida, sinta-se à vontade para entrar em contato. Teremos prazer em ajudar!